Felicidade no Trabalho Gera Resultados Para Organizações
felicidade-no-trabalho

Felicidade no Trabalho Gera Resultados

Felicidade no trabalho gera resultados mesmo? Ambiente pesado, excesso de pressão, falta de reconhecimento, muita fofoca e estresse em um lugar no qual as relações não fluem. Agora imagine só passar oito horas do dia em um ambiente como esse?

Nesse momento, o colaborador não apresenta um bom desempenho, não se empenha, não se aplica no que faz e muitas vezes está sempre a procura de novas oportunidades, afinal, ele se sente ameaçado. O funcionário não procura somente um bom salário, procura um bom ambiente de trabalho que vá de encontro com os seus valores e objetivos, por isso a felicidade no trabalho é tão importante nos dias atuais.

Estima-se que um colaborador infeliz produza 40% menos e o seu trabalho renda apenas o equivalente a dois dias úteis na semana. Para uma organização, isso resulta em perda de produção e lucratividade. Portanto, os benefícios em investir em felicidade no trabalho são reais e tangíveis.

Para se precaver contra os problemas relacionados à falta de felicidade no trabalho, é importante que a empresa mantenha uma preocupação constante sobre o clima organizacional.

Para estabelecer um ambiente propenso à felicidade no trabalho e ao bem-estar, seguem seis dicas:

1 – Crie um ambiente confortável e propenso à felicidade no trabalho

Um ambiente organizado e confortável para o seu colaborador. Um espaço físico no qual ele se sinta bem e com a estrutura necessária para desempenhar a função designada.

2 – Salários

Esse ponto deve ser amplamente discutido com o departamento de recursos humanos, para que o salário seja compatível com as competências do funcionário, nunca inferior.  É importante também que a empresa tenha um plano de carreira. Saber da possibilidade de crescimento estimula o colaborador a se empenhar mais.

3 – Dê voz a sua equipe

Permita-se ouvir, estudar e acatar as sugestões dadas pela sua equipe. O poder de decisão fará com que seus funcionários sintam-se reconhecidos e realmente parte de um time.

4 – Seja transparente

Seja claro com o que quer, os pontos positivos e os pontos que devem ser melhorados. O diálogo deve ser sempre sincero.

5 – Elogie

Reconheça o que o funcionário faz de melhor, elogie, seja otimista com o trabalho dele. Quando necessário falar sobre algum situação que comprometa o desempenho, foque na solução e não no problema.

5 – Contrate bem

Contrate funcionários com valores parecidos com o da empresa, assim, o risco do funcionário se sentir “um peixe fora d’água” é quase nulo.

6 – Invista em treinamentos para alinhamento da inteligência emocional

Pessoas realizadas e confortáveis emocionalmente costumam ser profissionais produtivos e rentáveis. Em funções que exigem alta performance, é fator de sobrevivência que a pessoa esteja realizada e com suas necessidades emocionais atendidas para se doar por completo a empresa.

Crie um ambiente de trabalho propício à felicidade. Faça com que o seus colaboradores sejam apaixonados pela sua empresa e a defendam com unhas e dentes. Afinal, as pessoas são realmente o seu maior patrimônio.

Conheça o Programa de Inteligência Emocional.

About "Fellipelli Consultoria"

A paixão de nossa consultoria de desenvolvimento humano é impulsionar cada indivíduo a explorar positivamente seu potencial através do autoconhecimento, proporcionando o seu crescimento e evolução na vida. Para isso, criamos valor com soluções de vanguarda e disseminamos nosso saber.

No Comments

Post a Comment