A Importância do Neurocoaching Para Psicólogos

A Importância do Neurocoaching Para Psicólogos

A função do psicólogo é trabalhar nas queixas associadas aos conflitos internos, que invariavelmente geram incômodos ao paciente ou às pessoas do seu universo de relacionamento. Entretanto, você sabia que quase metade dos psicólogos não consegue se estabelecer profissionalmente apenas com psicologia? A concorrência no mercado está cada vez mais acirrada e oferecer somente um tipo de solução pode não ser o melhor caminho.

Segundo a pesquisa publicada no livro ““Quem é a psicóloga brasileira – Mulher, Psicologia e Trabalho”, de 2013:
– 53% atuam somente com psicologia;
– 11% exercem em paralelo a outra atividade, sendo que a psicologia não é a principal;
– 10% exercem em paralelo a outra atividade, sendo que a psicologia é a principal.

O contexto atual exige psicólogos com uma visão que vá além.                        

A Neurociência estuda o cérebro e suas conexões, com o intuito de desvendar seu funcionamento, estrutura e desenvolvimento, para entender os comportamentos e atitudes humanas. Partindo desse princípio, o Neurocoaching utiliza-se dos estudos mais recentes da neurociência para fazer com que as pessoas atinjam seus objetivos, com mais foco, se conhecendo melhor e de forma mais rápida. Esse modelo foi desenvolvido por David Rock e tem sido aprimorado ao longo dos anos, pelo Neuroleadership Institute.

Um psicólogo que se forma em Neurocoaching possui um grande diferencial: ele pode tratar um paciente e ajudá-lo a enfrentar e superar suas questões e com o processo de coaching continuar com o mesmo cliente, fornecendo ferramentas e suporte para que ele atinja seus objetivos futuros e se realize por completo.

São duas funções distintas, porém complementares, que podem ampliar seus processos e gerar resultados mais satisfatórios para você e seus pacientes.

Produtos relacionados

Avaliações

Não há avaliações ainda.

Apenas clientes logados que compraram este produto podem deixar uma avaliação.